segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Siga o Galo nas redes sociais !

Imagem: José Augusto

CLUBE ATLÉTICO MINEIRO


Site Oficial:
www.atletico.com.br

Facebook: 
2.692.623 curtidas

Twitter:
1.821.116 seguidores

Instagram:
455.991 seguidores

Youtube:
78.652 inscritos


CLUBE ATLÉTICO MINEIRO


terça-feira, 8 de agosto de 2017

PRÉ-JOGO: GALO X jorge wilstermann - COM TODA NOSSA RAÇA PARA VENCER!!!

O DONO DA CIDADE

Jogo de Libertadores é assim, nem está perto de começar e já estou ansiosa.

Eu sei que 90% da torcida está muito nervosa com o time e sempre espera de todas as pessoas que tem qualquer espaço, que faça muitos questionamentos. Eu entendo isso, sou primeiramente torcedora, mas não esperem de mim várias teorias da conspiração e caça as bruxas. 
E isso por um único motivo: Eu não entendo nada dos bastidores do Galo. Não tenho acesso ao CT para fazer nenhuma pergunta a ninguém e se tivesse não gastaria a minha pergunta com fofocas de internet.

É natural do ser humano, em situações que nos desagradam procuramos culpados (que não sejamos nós mesmos) para aquilo e quando encontramos um culpado buscamos em todos os lugares provas. Quando não achamos provas, criamos fatos em nossa cabeça. Quanto mais passional somos, mais longe das verdades ficamos.

Outro fator que me faz não "atirar" para todos os lados é que no futebol cada um tem sua função muito bem definida e a minha é TORCER. No meu entendimento torcer é ir ao estádio sempre que posso(graças a DEUS posso ir em praticamente todos), cantar durante a partida, apoiar o meu time(a instituição CAM e não apenas jogadores) e o mais puro significado da palavra, TORCER. Independente de lógica, eu torço para o Galo. Nunca é impossível virar, tão pouco arrancar e ser campeão.
Paralelo a isso, sou apaixona por futebol e também fico indignada por jogadores profissionais "marcarem bola", ou furar e deixar o contra-ataque pro adversário, ou tomarmos muitos gols por uma falha na mesma região(costas dos laterais).
O importante é achar o equilíbrio entre isso, quando estou tomando cerveja e falando do Galo penso em esquemas, falhas, características e etc. Mas quando estou dentro do estádio, ali sou apenas ATLETICANA.


O TIME 

Galo sofreu durante o ano para encontrar seu meio de campo ideal e quando encontrou logo surgiu problema. Blanco que assumiu a titularidade  e a última vaga para a Libertadores sente dores no tornozelo e não foi relacionado, o jovem volante que chegou por empréstimo agradou comissão e torcida nos últimos jogos. 
Fred por outro lado está relacionado e deverá ser o titular, e foi na ausência dele que entendemos como é importante tê-lo em campo.
A defesa está completa, Leo Silva completamente recuperado forma dupla com o garoto Gabriel. Fábio Santos e Rocha fecham as laterais e devem auxiliar muito o ataque. E São Victor fechará o gol atleticano.
Espero que Luan esteja em condições de jogo quarta(deve estar porque foi relacionado) e que Micale o escale como titular, além da sua habitual raça e identificação com a camisa alvinegra, o menino maluquinho tem aquilo que deve ser primordial para o Galo classificar: Velocidade e improvisos.
Não tenho dúvidas que os bolivianos virão fechados e buscando contra-atacar o tempo todo. E para quebrar defesas bem postadas, é necessário velocidade e drible.
Outro que pode aparecer como surpresa é Valdivia, o cabeludo foi o melhor em campo no ultimo domingo e pode ganhar a sua chance no time de quarta.

Outro fator que o Galo precisa evoluir para que consiga a classificação é o índice de acerto de finalizações. De nada adiante criar 15 chances claras de gol e não fazer nenhum. Como já diria Kalil: "O importante é bola na casinha".

Provável Galo: Victor, Rocha, Leo Silva, Gabriel, Fabio Santos, Carioca, Elias, Adilson(Yago), Cazares, Luan(Robinho), Fred.

ADVERSÁRIO

Não quero me prolongar em relação a eles, o foco tem que ser no Galo.

Voltaram a pouco tempo de férias, o que tem lado positivo e negativo. Positivo é que podem estar sem o ritmo ideal de jogo. Negativo é que estão descansados e podem sobressair nesse quesito.

Após férias ganharam as duas partidas disputadas, mas pesa contra eles o fato de constantemente atuarem mal fora de seus domínios.

SÃO VICTOR

Na ultima partida, contra o Grêmio, Victor completou seu jogo de número 300. Assim como o capitão Leo Silva, o goleirão chegou a marca expressiva em 2017 e pretende chegar aos 400 jogos com o manto sagrado.

O santo chegou ao Galo em 2012 e ainda era apenas Victor, nos ajudou a levantar diversas taças e se tornou um ícone dentro do clube. Se tornou Santo durante a conquista da Libertadores em 2013 e é o responsável por cada lista de chamada das escolas infantis terem de 3 a 4 "mini Victors" por sala.

A você santo, minha gratidão eterna! 


terça-feira, 1 de agosto de 2017

PRÉ-JOGO: GALO x Corinthians - A FORÇA DA MASSA

Galo e seus reencontros. O gigante da Pampulha está ansioso e até brincou em sua rede social.



Afinal, não é todo dia que ele enche pra uma partida do campeonato brasileiro né? Sem contar o quanto ele fica lindo Preto e Branco, a sintonia com a Massa é algo que impressionou até as gigantes CNN e BBC.

Então está marcado, quarta-feira às 21:00. 

Outro reencontro que acontecerá é com Jô, nosso artilheiro da Libertadores. Que eternizou a comemoração com R10. Houve quem ousasse dizer que ele não deixou saudades por aqui, mas para afirmar algo absurdo assim no mínimo não nos conhece. Somos gratos e temos muito carinho por Jô e não tenho dúvidas das portas abertas na cidade do Galo.
Outros encontros menos importantes irão acontecer, Giovanni Augusto por exemplo. Clayton também.

Alguns de nossos atuais jogadores fizerem história do lado de lá e agora estão conosco, Fábio Santos e Elias.


NOVO GALO

Galo venceu fora de casa na última rodada e mantém o bom aproveitamento fora, o que precisa melhorar é o desempenho em seus domínios. Uma mudança de ares pode fazer bem ao time e por isso o jogo não será no Indepa. 
Micale, chegou com a dura missão de corrigir os problemas do time sem ter tempo pra treinar. E na última partida já deu mostras de coragem, segurando alguns jogadores renomados e escalou Blanco no meio e Pablo no ataque.
Eu, particularmente, não confio no Pablo. Reconheço que falta alguém que faça bem essa função no elenco, mas ele não me parece ser esse cara. Mas o importante é que ele está atento as falhas do time e as necessidades do elenco, apenas reconhecendo os erros e fraquezas pode-se melhorar e evoluir.

Provável Galo: Victor, Rocha, Leo Silva, Gabriel, Fábio Santos, Carioca, Adilson, Blanco, Elias, Cazares, Rafael Moura. Cazares teria mais liberdade e Elias ajudaria na armação de jogadas.
E o desafio desse time é terminar com a invencibilidade Corinthiana, que já dura 32 partidas e é a segunda maior da história (deles).


A MASSA

Em qualquer momento de fraqueza, qualquer pessoa, busca seu lado mais forte pra se recuperar. No futebol não é diferente, ao menor sinal de momento ruim, o Galo recorre a nós. Nós somos o lado mais forte do Galo, nós somos o Galo.
Em qualquer situação, a massa está lado a lado com o time. Nunca vamos lhe abandonar, cada passo seu será acompanhado por mais 8 milhões de passos.

Essa é a nossa hora, é o nosso momento. Amanhã o 12º jogador estará em campo.

Vamos cantar até a garganta sangrar, não iremos nos calar independente das adversidades.

Quem ainda não comprou seu ingresso, a venda seguirá até o início da partida. Garanta sua participação nessa batalha, você não irá se arrepender. Chegue mais cedo e nos ajude a receber o time com muita energia positiva e incentivo, em nosso tradicional Inferno Alvinegro. Concentração a partir das 19:00, na Av Abraão Caran.

ÍDOLO

Leo Silva, meu Libertador, completou 300 jogos com a camisa alvinegra. O maior e melhor zagueiro da história, nosso capitão! Que tudo dê certo e você se mantenha fora do departamento médico Leo. E que ao se aposentar, você continue aqui, porque você é eterno.
Que você consiga passar a todos os seus atuais companheiros de elenco o imenso respeito que tem por nós e por esse clube que és tão grato por ti.